Publicado em Contos

O Menino Dragão (Capítulo II)

O menino entrou numa região estranha da floresta. Havia muitas flores mortas e árvores despedaçadas, destruídas. Ouviu, de repente, um rugido assustador. Ele encontrou um tigre! O menino tentou não ficar com medo, mas ficou tremendo…
O tigre avançou correndo em direção ao menino. O menino tentou fugir, mas o tigre era muito mais rápido: alcançou o garoto e tentou morder sua mão.
Da mão do garoto, cresceram unhas afiadas, que se tornaram garras. O garoto sentiu que agora tinha uma chance de sobreviver. Rapidamente, arranhou o corpo do grande tigre. O animal deu outro rugido, mas desta vez era de dor.
O menino, agora com garras terríveis, aproveitou para fazer mais ataques: ele agitava suas mãos várias vezes na direção do tigre, sem pensar. Em pouco tempo, o tigre caiu morto!
Se sentindo com fome, o menino pegou a carne do tigre e comeu. E nem se assustou com isso.

Publicidade
Publicado em Contos

O Menino Dragão (Capítulo I)

Era uma vez, num mundo distante, um menino que morava com seus avós. Eles eram fazendeiros. Eles viviam tranquilamente.
O menino, um dia, foi embora. Ele era curioso e queria conhecer o mundo.
Ele não levou nem uma mochila para sua viagem. Só levou sua força e sua coragem.
Logo, ele chegou numa floresta. Uma floresta pequena, mas com muitas árvores. O menino achou uma pessoa parada perto de um riacho. Era um homem estranho, e disse:

̶ Eu sei o que você é.
̶ Hã? Quem é você?, disse o menino, que estava confuso…
O homem ficou em silêncio.
̶ Como você chegou aqui?
̶ Você é um dragão. – disse o homem, bem devagar, em voz baixa.
̶ O QUÊ?! – perguntou o menino, muito espantado.
De repente, o homem desapareceu. O menino, muito confuso, disse:
̶ Nossa… será que isso é verdade? Eu sou um dragão?
O menino continuou andando, com aquelas ideias na cabeça.